writing essays
> Best Center

Araça-roxo CAM101002

Muito utilizada em reflorestamentos. Muito utilizada em reflorestamentos. Ocorre no Brasil no Estado do Ceará, passando pela Bahia, Tocantis, Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, Espirito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul. Porte: 4 a 8 metros. Polinização: Abelhas e outros insetos. Dispersão ...>>>

> Best Center

Jatobá CAM101003

Muito utilizada hoje em reflorestamento de pastos e também foi plantada pelo instituto florestal para conservação da espécie que corria risco de extinção, devido ao desmatamento e fragmentação da Mata Atlântica. Ocorre em praticamente todo Brasil exceto Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Etimologia: Hymenaea deriva do ...>>>

> Best Center

Aroeira-salsa CAM101004

Espécie melífera, muito utilizada na restauração florestal, também usada mourão de cerca com boa durabilidade. Sua resina era usada como purgante e como curativo para feridas e embalsamento dos mortos, seu uso é datado desde a época dos incas. No Brasil ocorre nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Santa Catarina e Rio ...>>>

> Best Center

Canela-do-mato CAM101006

Recomendada para arborização urbana por apresentar um porte baixo e grande quantidade de frutos atraindo a avifauna. Ocorre no Brasil nos Estados da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná. Porte: 4 a 8 metros. Polinização: Principalmente por abelhas. Dispersão das sementes: ...>>>

> Best Center

Embaúba-prateada CAM101007

Ocorre no Brasil nos Estados da Bahia, Minas Gerais, Espirito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo. Porte: 6 a 12 metros. Polinização: Abelhas e pequenos insetos. Floração: em vários períodos durante o ano, variando de uma região para outra. Dispersão das sementes: Zoocórica, principalmente aves e morcegos especialmente ...>>>

> Best Center

Ingá-vera CAM101008

Muito utilizada na restauração florestal, sua casca é utilizada para curtir couro e preservar acessórios de pesca. Ocorre praticamente em todo Brasil exceto Rio Grande do Norte, Alagoas e Sergipe. Etimologia: Inga do indígena Ingá. Porte: 10 a 25 metros. Polinização: principalmente por abelhas. Dispersão das sementes: ...>>>


Desenvolvido pela Equipe qÁrvore Brasil